A taxa de transmissão do coronavírus no Brasil é a menor desde abril de 2020 (Foto de Gustavo Fring - Pexels)

Cidade de MS que cumprir meta de vacinação vai receber R$ 6,30 “por cabeça”

Cerca de R$ 17.milhoes e 800 mil reais devem ser distribuídos proporcionalmente entre os 79 municípios de Mato Grosso do Sul, em três parcelas a serem pagas em novembro e dezembro deste ano, além de janeiro do ano que vem. Essa é a forma da Secretaria de Estado de Saúde incentivar e recompensar as cidades que apostarem em ações de vacinação. Os municípios vão receber até R$ 6,30 por habitante vacinado..

As maiores cidades do Estado – Campo Grande, Dourados e Três Lagoas – serão as que mais receberão valores: respectivamente, R$ 5,7 milhões, R$ 1,4 milhões e R$ 788 mil. As quantias são referentes às duas tabelas divulgadas, de acordo com o percentual de vacinas aplicadas em cada cidade.

Para receber os recursos, os municípios devem apresentar um percentual superior a 95% de doses aplicadas em relação às doses enviadas, recebendo 100% do valor. Já os que apresentarem percentual de de 90% a 94,99%, terão direito a apenas 70% do previsto na tabela.

O municipio que apresentar vacinação inferior a 90% das doses enviadas ou deixar de vacinar a população em sábados, domingos e feriado no decorrer do mês, mesmo que tenha doses para tal, ou também deixe de seguir decisões da CIB (Comissão Intergestores Bipartite) quanto à vacinação contra a covid-19, não terá direito a nenhum recurso.

Nos últimos 30 dias, o vacinometro mostra que 584.273 doses foram aplicadas em solo sul-mato-grossense. Atualmente, o estoque de vacinas existentes nos refrigeradores das unidades de saúde do Estado chega a marca das 276.408 doses.

%d blogueiros gostam disto: