(Foto: RF._.Studio/Pexels

Reforço da Pfizer aumenta em 20 vezes os anticorpos em vacinados com a Coronavac

Resultados preliminares de um estudo desenvolvido no Uruguai mostram que o reforço com Pfizer, após duas doses de Coronavac, aumenta em 20 vezes o nível de anticorpos contra o coronavírus. A pesquisa teve início em março e vai acompanhar os participantes por dois anos, com amostras de sangue periódicas.

A investigação conta com cerca de 200 voluntários do Instituto Pasteur, um dos responsáveis pelo estudo junto com a Universidade da República, sendo que 53 deles tomaram as duas doses de Coronavac e o reforço da Pfizer.

Cada participante já teve quatro amostras analisadas: uma colhida antes da imunização; a segunda, 18 dias após a cobertura vacinal completa; a terceira, 80 dias após a segunda dose; e a última, após o reforço com Pfizer.

  • primeira coleta: nenhum dos participantes apresentou anticorpos específicos contra o coronavírus, pois nenhum deles havia contraído o vírus
  • segunda coleta: 100% apresentaram anticorpos antivirais específicos, em níveis variados
  • terceira coleta: uma diminuição geral de anticorpos foi observada
  • quarta coleta: após a dose de reforço, verificou-se que todos os participantes tiveram um aumento no nível de anticorpos em média 20 vezes maior do que o observado na segunda coleta

“São resultados preliminares, em uma população particular”, ressaltou na sexta-feira 24 o pesquisador Sergio Bianchi, que participa do estudo.

%d blogueiros gostam disto: