Brasileiros não precisarão cumprir quarenta a partir de Novembro/2021.

EUA vai liberar entrada de brasileiros sem quarentena

Ao longo da pandemia, os brasileiros foram impedidos de viajar para os Estados Unidos e países da Europa, mas o quadro tem mudado conforme o avanço da vacinação e a lista já passa de 100 países com fronteiras abertas para quem parte do Brasil. 

Esta semana, o Ministério do Turismo divulgou nota informando que a partir de 1º de novembro, os brasileiros que desembarcarem em solo americano estarão livres da realização da quarentena exigida anteriormente para evitar a proliferação da Covid-19. Atualmente, os brasileiros que desejam viajar aos Estados Unidos precisam realizar uma quarentena de 14 dias no México ou outros países vizinhos com custos de hospedagens entre US$ 800 e US$ 4 mil por conta do viajante.

Com as novas regras, os brasileiros que provarem estar vacinados antes do embarque, bem como apresentarem teste de Covid-19 negativo três dias antes do voo estarão dispensados da quarentena. A mudança foi possível graças ao avanço da vacinação no Brasil, que já ultrapassa a marca de 81,2 milhões de brasileiros 100% vacinados, conforme dados desta quarta-feira, 22.

Em Portugal, por exemplo, a entrada de brasileiros está liberada desde o dia 31 de agosto, mesmo para quem não esteja vacinado. Mas, neste caso, é obrigatório apresentar o teste PCR ou de antígeno, com até 72 horas de antecedência. A França também recebe turistas brasileiros, desde que estejam totalmente vacinados. Para entrar, basta apresentar o certificado de vacinação e um teste do tipo RT-PCR. Quem não estiver vacinado pode tentar justificar, mas a análise será feita caso a caso e será necessário fazer isolamento de dez dias, monitorado pelas autoridades francesas.

A Espanha só aceita turistas brasileiros vacinados, sem a necessidade de cumprir quarentena. A regra vale para quem tem idade acima de 12 anos. As crianças não precisam apresentar o certificado de vacinação, mas devem estar acompanhadas de adultos totalmente imunizados. Na Itália, o governo fará uma revisão das regras no dia 25 de outubro, quando a quarentena de 14 dias em outro país poderá ser alterada.

Vale lembrar que as regras mudam quase todos os dias, porque o abre e fecha de fronteiras depende da pandemia de Covid-19, e por isso a lista tem que ser constantemente atualizada, ou seja, antes de finalizar a compra da sua viagem é preciso confirmar as informações atuais nos sites governamentais.

%d blogueiros gostam disto: